quinta-feira, 7 de abril de 2011

                             Deuteronômios 4:32 a 40


     "Porque desde a eternidade não se viu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu Deus além de ti, que trabalha para aquele que nele espera." Isaías 64:4. Deus sempre faz isso com o seu povo. Procura lembrá-los de quem é o Deus a quem eles servem. Nestes versos, Deus recorre às maravilhas da criação, à eleição de um povo dentre muitos, e aos prodígios estarrecedores que foram feitos no Egito, para lembrar ao povo com quem eles estavam lidando. Nunca se tinha visto nada parecido! Os deuses das outras nações não eram capazes de nada que chegasse aos pés dos feitos realizados pelo Deus de Israel. Até porque, estes deuses são criações humanas, que só existem na cabeça dos que os concebem! Não existe outro Deus, é o resumo!
    Nossa memória é curta. Muitas vezes esquecemos, em meio à tribulações, que já passamos outrora, por outras piores. Esquecemos do perdão que o Senhor nos ofereceu. Esquecemos de livramentos incríveis. Esquecemos quem é o nosso Deus. É por isso que o profeta Jeremias, em meio ao seu sofrimento clama: "Quero trazer à memória o que me pode dar esperança. As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim;renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade." Lamentações 3:21 a 23. Esta deve ser a nossa esperança em meio à dor, luta e tribulação. Lembremo-nos de quem é o Senhor e de tudo que ele já fez por seu amado povo e por nós mesmos. Não deixemos que as trevas de hoje obscureçam a glória e a majestade do nosso Deus. Ele ainda não te deu o livramento? Ainda não é a hora. A cura não veio, a dor está latejante, o problema não se resolve? Traga à memória tudo que você tem aprendido sobre o seu Deus, e aguarde confiante. Se o dia mau demorar a passar, ou não passar, certamente há um propósito eterno nisso! Como disse nosso irmão Zac Smith na postagem anterior, se Deus o curar, Deus é Deus e Deus é bom. Mas se Deus não o curar e o deixar morrer, Deus ainda é Deus e Deus ainda é bom! A nossa esperança maior não se resume à resolução de nossas dores e problemas deste mundo. O maior e mais insolúvel de todos os problemas é ter contra nós um Deus santo e irado sobremaneira e eternamente por causa do pecado. E esse problema eterno foi resolvido de forma graciosa. Mesmo que vivamos vidas miseráveis, cercados pela dor, desprezo e pobreza, como foi com Jó em boa parte de sua vida, a nossa esperança não está aqui, nestes poucos e efêmeros anos de existência. Nossa morada é eterna!! Glórias a Deus por tão grande salvação! Quero trazer às memória o que me pode dar esperança!

6 comentários:

  1. Não há outro Deus além do ÚNICO Deus. Devemos nos lembrar sempre quem Ele é o que ele faz e fez constantemente por nós. As vezes não entendemos o porque de determinada coisa estar acontecendo conosco, mas devemos confiar Nele, sabendo que ele é o Senhor de toda a Terra e que tudo está debaixo do seu controle. Tudo o que nos acontece, acontece por ter um propósito. Nada é por acaso.. tanto as coisas boas quanto as que nos parecem ruins, foram ordenadas por Deus. E é ai que muitos de nós cairmos, ao acharmos que Deus não é bom porque deixou que isso ou aquilo acontecesse. Estejamos sempre contentes e satisfeitos, sabendo que a nossa esperança não é deste mundo.

    ResponderExcluir
  2. É aqui que enxergamos com mais clareza a nossa natureza pecaminosa. Se nós pararmos pra pensar, só a cada respirar,a cada caminhar, a cada mover, já é uma grande bênção divina.Mas Deus por sua infindável misericórdia nos dá muito mais.E uma coisa a que devemos ser eternamente gratos à Deus é por que ele morreu por nós,se humilhou por nós para salvar-nos.Se Ele tivesse feito "apenas" isso,para conosco,já seriam motivos mais que suficientes para buscarmos por todos os dias de nossa vida,mas além dessa grande bênção, tem outras,muitas,incontáveis, e que devemos agradecer a todo momento por quem Ele é, por tudo que Ele tem feito,por suas promessas,enfim,por suas bênçãos.

    ResponderExcluir
  3. Gabriel Benjamin7 de abril de 2011 18:13

    Achei muito interessante essa parte que fala que se a vida estiver ruim, DEUS ainda é bom . Porque o homem adora reclamar da vida que tem e na verdade nós não merecemos nada, nem a propria vida e DEUS nos salva . Devemos agradecer a DEUS por cada momento bom ou ruim em nossa vida porque DEUS é bom .

    ResponderExcluir
  4. está aí um grande problema. os 'crentes' do dia de hoje realmente acreditam que Deus deve liberta-los de suas dores, sofrimentos e etc. e dizem que Deus nao seria injusto de nao faze-lo.

    ResponderExcluir
  5. Realmente muito interessante o que Zac Smith disse :"se Deus o curar, Deus é Deus e Deus é bom. Mas se Deus não o curar e o deixar morrer, Deus ainda é Deus e Deus ainda é bom!"
    Ele reconheceu o quanto Deus é misericordioso , e , mesmo no estado em que ele se encontra ele é grato por tudo que Deus tem feito em sua vida . Muito emocionante ... e temos que agir assim também , temos que ser gratos por ser quem somos , por ter a família que temos , por ter coisas boas ,por ter coisas ruins. Glórias a Deus por tão grande salvação!

    ResponderExcluir
  6. É uma parte muito importante e ao mesmo tempo muito difícil. Nunca nos esquecermos do que Deus já fez por seu povo, que indiretamente nos afeta, e o que ele diretamente fez por nós. Por nosso coração pecaminoso e corrupto, mesmo depois de muitas bençãos e vitórias, tanto carnais como espirituais, quando passamos por alguma provação, mesmo que mínima, muitas vezes murmuramos. Em vez de reconhecermos nossa pequenez, e contemplar o Deus, santo, justo e bom, a quem seguimos, muitas vezes nos deixamos levar e reclamamos dos pequenos problemas. Que Deus possa estar conosco neste momento, nos fazendo lembrar suas maravilhas e seus grandes feitos. "Quero trazer à memória o que me pode dar esperança!"

    ResponderExcluir